Home

banhoarcoiris

O olhar das crianças para o mundo é o que de melhor elas têm para nos ensinar.

Me sentei no sofá crente que, enquanto durasse o banho, eu poderia ler meu livrinho. E logo ouvi, lá de cima: “Mãaae!”. Ignorei, claro. Se o assunto não é demasiadamente importante, se não tem ninguém se afogando, se não está dando curto circuito no secador, se a banheira não se transformou em um buraco negro, logo ele desiste. Mas aí vem outro, logo em seguida: “Mãããããããe!”. Continuo lendo, tentando retomar a concentração. Afinal, tenho direito aos meus 15 minutos de sossego e menino de 9 anos tem que tomar banho sozinho, pelamordedeus. “Mããããããããããããeeeeee!!!”. Ok, não dá mais pra ignorar, sob pena de me culpar pelo resto da vida, pensamento clássico que move a maternidade desde tempos imemoriáveis. E lá vou eu escada acima. Abro a porta, o menino na banheira, imóvel. Nenhum curto-circuito, nenhum afogamento, nem sinal de buraco negro. Nada. E eu pronta pra dar uma bronca.

– Mãe, vem aqui.

– O que foi, Antonio???.

– Vem cá ver, não posso me mexer.

– Por quê?

– Tem um arco-íris na minha banheira.

Fui olhar o arco íris, ainda que fossem seis da tarde. E  me lembrei do texto de Rubens Alves  dizendo que as crianças e seu assombro diante do banal têm muito a nos ensinar.  “Para as crianças, tudo é espantoso: um ovo, uma minhoca, uma concha de caramujo, o voo dos urubus, os pulos dos gafanhotos, uma pipa no céu, um pião na terra. Coisas que os eruditos não vêem.” As crianças são os melhores professores para nosso olhar, desgastado de tanto ver computador e de pouco olhar horizontes. Tenho certeza que, se você convive com uma criança, pode reaprender a olhar o mundo todo dia. Eu convivo. E sou muito feliz por ter um pequeno e lindo professor de olhares em casa.

Por Fabi Corrêa

2 pensamentos em “Mãe, tem um arco-íris na minha banheira!

  1. Sigo diversos blogs sobre maternidade,desde que resolvi abandonar a mãe que não queria ser e estava sendo pq apenas refletia o que foi a minha casa na infância,rs.Nunca textos me impactaram tanto quanto os que leio aqui. O “Desligue o celular e olhe pra o seu filho” me fez ver tanta gente que conheço nele e não querer ser igual a elas,porque podemos não mudar outras mães,mas através da nossa critica interior podemos nos mudar,mudar o que vemos de nós nelas e ser melhor com nossos filhos,isso já é um grande favor a humanidade.Obrigada!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s